https://imgur.com/0ZTOVvd.gif

★ UFC 261 - Destino cruel. Weidman quebra a perna como Anderson Silva

Foto: (Reprodução) /Diário do Nordeste 


O norte-americano quebrou a perna direita no UFC 261. Da mesma maneira com que Anderson Silva quebrou, em 2013. O brasileiro mandou mensagem de apoio...


Com certeza, depois da última edição do UFC, muitos irão ter a certeza que a vida é um círculo, até mesmo com as coincidências terríveis.

2013...

Como se sabe, depois de sofrer uma fratura na perna, ao golpear seu oponente, o americano Chris Weidman em luta válida pelo cinturão do título dos pesos médios do UFC, o lutador Anderson Silva perdeu a luta em Las Vegas, núltima edição do UFC de 2013.

Foto: (Reprodução)


Brasil sinto muito não queria ter desapontado vocês dei o meu melhor eu juro“,

 

A fratura de Anderson Silva aconteceu no segundo round. Com isso o brasileiro não conseguiu recuperar o título. Anderson se pronunciou através do seu perfil no Twitter neste domingo. 


escreveu o lutador.


 Não importava o que acontecesse hoje, pois ele (Anderson Silva) ainda é o melhor de todos os tempos”, 

 

afirmou Chris Weidman.


2021...


O UFC 261, que aconteceu na Flórida, tinha motivos emocionantes de sobra.

A volta do público. Apesar da pandemia, 15 mil pessoas lotaram a arena de Jacksonville.

A noite reservou um nocaute impressionante do campeão dos meio-médios Kamaru Usman em Jorge Masvidal, no segundo assalto.

Foto: (Reprodução)


A norte-americana Rose Namajunas tomou o cinturão dos pesos palha da chinesa Zhang Weili. Acertou um espetacular chute alto na cabeça de Zhang, ainda no primeiro assalto.

Foto: (Reprodução)

E Valentina Shevchenko fez o que quis com Jéssica Bate-Estaca. A lutadora do Quirguistão venceu a brasileira por nocaute no segundo assalto, com uma série de cotoveladas na cabeça, depois de impor várias quedas. Ela queria provar, e provou, ser especialista também no chão, no jiu-jitsu. E não apenas na luta em pé, na trocação.

Foto: (Reprodução)

Só que uma cena chocante dominou a noite.

Aos 17 segundos de luta contra Uriah Hall, o norte-americano Chris Weidman tentou um chute de perna direita. Mas Hall firmou a perna e a canela de Weidman bateu justamente no joelho do adversário. E acabou quebrando. Ele não percebeu e ainda tentou apoiar seu peso na perna quebrada, dobrando seu pé para trás. 

Foto: (Reprodução)


O próprio Hall ficou desolado com a terrível, e raríssima, contusão.

Weidman foi levado de maca para um hospital.

A situação ficou ainda mais surreal porque foi idêntica com o que aconteceu com Anderson Silva.

Ele quebrou a tíbia, na noite de 28 dezembro de 2013, ao dar um chute de perna esquera. E sua canela acertar o joelho do mesmo Chris Weidman. 

Oito anos depois a mesma contusão, desta vez do norte-americano.

Foto: (Reprodução)


Anderson Silva tratou de mandar uma mensagem de apoio ao lutador.

"Meus profundos e mais sinceros sentimentos, campeão. Tenha fé, desejo uma ótima recuperação. Nesse momento, desejo a você e toda sua família muita luz, muito amor e sabedoria.

Aos fãs do esporte, respeitem este momento deste incrível guerreiro. Vamos torcer para que logo ele esteja 100%. Deus abençoe você e sua família, Cris."


Anderson Silva levou trezentos e noventa e nove dias para voltar a lutar.
O destino foi muito cruel em Jacksonville...


Fonte: R7 Esporte COSME RÍMOLI e UFC 


Esta matéria é em oferecimento de:




FOLHA DE CATALÃO - A NOTÍCIA DE FORMA DIRETA


Tags

Postar um comentário

[blogger]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget