https://imgur.com/ZIwdItP.gif

★ CONEXÃO COM O CIDADÃO - Candidato à prefeitura de Catalão propõe zerar tarifa do transporte coletivo

Foto: (Reprodução)


O candidato à prefeitura de Catalão, Elder Galdino (MDB), tem como principal proposta do plano de governo o programa Tarifa Zero... 


A ideia é que todos os usuários do transporte coletivo possam utilizar o serviço gratuitamente no município.


Segundo o coordenador do plano de governo de Galdino, Mauro Faiad, o transporte coletivo catalano tem cerca de 22 mil usuários por semana e 1,050 milhão por ano. Destes, 30% têm gratuidades. Portanto, a administração teria que arcar com o custo de transporte de 750 mil usuários por ano, explica o coordenador.  


“Com R$ 2,6 milhões por ano conseguimos custear o Tarifa Zero. Isso corresponde a dois dias e meio da arrecadação da prefeitura”,
disse Faiad ao Diário de Goiás.  


Os recursos viriam, explica o coordenador, de uma 

“reprogramação financeira” 

no município. O candidato propõe uma reforma administrativa que reduza o total de secretarias municipais de 20 para 10.

“Só isso já representa uma soma muitas vezes superior ao necessário”,
argumenta Faiad.  


O coordenador do plano de governo ressalta ainda que o Tarifa Zero é prioridade para Galdino, portanto, a alocação de recursos ao programa não será problema. 

“Não faltarão recursos. Catalão, pela arrecadação e pelo perfil do usuário, tem condições de implantar”,
afirma.


O que ainda não foi definido pelo candidato é o modelo de operacionalização do programa. Segundo Faiad, Galdino ainda estudará se a prefeitura pagará o valor das passagens à empresa concessionária do serviço ou se adotará um modelo de estatização.


“Vamos estudar isso caso o Elder ganhe a eleição. Existem várias possibilidades. Podemos simplesmente pagar a tarifa à concessionária, talvez renegociando o preço. A prefeitura pode alugar ônibus para fazer o transporte coletivo, o que é muito comum. Esse é um segundo passo. Ganhando a eleição, vamos nos debruçar sobre o modelo mais econômico para a prefeitura”,
frisou Faiad.


Atualmente, a tarifa do transporte coletivo em Catalão, operado pela Transduarte, está em R$ 3,50. O último acréscimo foi de R$ 0,70 e passou a valer em 1 de julho de 2019. Galdino argumenta que, em média, o trabalhador catalano gasta R$ 140 com transporte por mês. 


“Com a passagem de ônibus a custo zero, as famílias vão ter mais dinheiro para atender suas necessidades”,
afirmou o candidato em propaganda do horário eleitoral.  


A proposta foi baseada em programas de Tarifa Zero implantados em cerca de 100 cidades de pequeno e médio porte no país. Esses municípios não cobram passagem, mas adotam diferentes modelos no sistema.


Fonte: Diário de Goiás  


Esta matéria é em oferecimento de:




FOLHA DE CATALÃO - A NOTÍCIA DE FORMA DIRETA

 


Tags
Reações

Postar um comentário

[blogger]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget