https://imgur.com/ZIwdItP.gif

★ FAKE NEWS LEVADA AO EXTREMO - A Velha e Arcaica Política catalana, está cada dia pior, ao levar a mentira ao extremo do absurdo.

Foto: Folha de Catalão - A notícia de forma direta


É cada uma que aparece em Catalão, que acaba fazendo a cidade parecer curva de rio. Mais uma #FAKENEWS vindo da Prefeitura Municipal de Catalão, que dessa vez, diz que a Barragem do Pari é Obra da Gestão Adib Elias...   


Nos últimos dias, o prefeito Adib Elias tem afirmado que se ‘tirar’ o que fez em suas administrações, sobraria pouca coisa em Catalão.  
“A afirmação serve só pra evidenciar a arrogância e soberba dele, além de não corresponder em nada a realidade. A verdade é que, durante seus três mandatos, Adib se limitou a maquiar o centro da cidade e não deixou marca estruturante, ao contrário de gestores como Haley, Eurípedes e Jardel”, afirmou o vereador Sousa Filho (MDB). 

Foto: Reprodução /Ver. Sousa Filho

O jornalista Luís Carlos Bordoni, aliado do prefeito Adib, divulgou um vídeo nas redes sociais afirmando: 
“represa do Pari é, na verdade, obra da atual gestão”. 
Mas a informação não procede.  

O vereador Sousa Filho disse que recentemente desafiou Adib a mostrar 
- dentre os 20 anos em que controla o poder local - 
ao menos uma obra que ele fez que fosse mais importante que a: 

Foto: Reprodução /ASCO UFG
  • UFG (implantada na administração Halley Margom), 
Foto: Reprodução /ASCOM Mitsubishi Motors Company Brasil
  • a vinda da Mitsubishi (conquistada na administração Eurípedes Pereira), 
Foto: Folha de Catalão - A notícia de forma direta
  • e a barragem do Pari (implantada na gestão Jardel Sebba). 

“Como ele não conseguiu mostrar, nós fomos surpreendidos, agora, com uma estratégia de dizer que a Barragem do Pari é obra da atual gestão. Por analogia, podemos esperar que os próximos videos vão afirmar que Adib é o ‘pai’ da UFG em Catalão e da Mitsubishi. Nada mais mentiroso. Uma completa afronta à inteligência do povo”, disse o vereador Sousa Filho. 

UFG  

Em relação à Universidade Federal de Goiás (UFG), o governo Adib Elias foi, na história, o que 
menos investiu.   
As gestões José Moreira, Eurípedes Pereira e Maria Ângela eram destinados aproximadamente 10% do orçamento municipal para a folha de pagamento dos professores do então Campus da UFG em Catalão.  

No final do governo Fernando Henrique Cardoso, depois nos governos Lula e Dilma, os professores passaram a ser federalizados aliviando o orçamento municipal.  

Além do mais, Adib tentou fechar a instituição em abril de 2002 em uma reunião da ACIC/CDL.

Foto: Reprodução /Ver. Sousa Filho

Endividamento no IPASC  

Levantamento constatou, em relação ao Instituto de Previdência do Servidor Municipal (IPASC), que, de janeiro de 2006 a agosto de 2008, o valor era de R$6.335.276,66 reais parcelados em 240 meses, com final do pagamento previsto para 2029.   

O então prefeito Velomar Rios, que sucedeu Adib, pagou 48 parcelas. Jardel Sebba também pagou 48 parcelas e os próximos prefeitos deverão continuar pagando tal parcelamento.  

De dezembro de 2004 a dezembro de 2009, o valor era de R$ 6.827.565,84 reais para ser pago em 60 meses. A última parcela venceu em 2018, ou seja, tanto Velomar quanto Jardel pagaram esse parcelamento.  

Totalizando os dois débitos do IPASC na gestão Adib Elias, o valor ultrapassa, em valores atuais, 30 milhões de reais.   

Mitsubishi  

Em relação à Mitsubishi, conforme mostra a própria placa de fundação, a montadora foi trazida na gestão Eurípedes Pereira, que endividou o município para garantir terraplanagem, ajardinamento e cercamento da planta. 

Foto: Reprodução /Ver. Sousa Filho

No entanto, provocou alta na geração de ICMS na cidade.  
“Eurípedes plantou mas não colheu nada. Quem lucrou foi Adib Elias no início dos anos 2000 com arrecadação milionária de ICMS. E agora está matando a Mitsubishi, em aliança com o governador Caiado, cortando os incentivos fiscais e trazendo desemprego”, declarou Sousa Filho.  

Abastecimento de água em Catalão  

No ano 2000, o então governador Marconi Pirillo fez um investimento de 6 milhões de reais na reversão do Pari, que, quando foi realizada 
- época em que ainda existia a Saneago em Catalão - 
Adib municipalizou o serviço de água e esgoto.   
“Adib municipalizou porque viu que era a ‘galinha dos ovos de ouro’. Em breve será inaugurada a estação de tratamento de água e esgoto. A gente espera que o prefeito de Catalão faça justiça com a pessoa do ex-prefeito Velomar Rios. Todo esse projeto e recurso foram conquistas do então prefeito Velomar Rios”, completou Sousa Filho.  

Ascom Vereador Arcilon de Sousa Filho



Está matéria é em oferecimento:





Folha de Catalão - A notícia de forma direta


Tags
Reações

Postar um comentário

[blogger]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget