https://imgur.com/ZIwdItP.gif

★ DOM JUAN - Após divulgação da foto, nova vítima procura polícia para denunciar ‘Don Juan’ por golpe de R$ 170 mil, em Iporá

Foto: Reprodução /TV Anhanguera /Raimundo Nonato Silvério foi preso suspeito de estelionato em Iporá  

Homem, que estava foragido da Justiça, é suspeito de lesar cerca de 30 vítimas em Goiás e no Distrito Federal, causando um prejuízo de R$ 1 milhão a elas...

Após a prisão de um homem que ficou conhecido como 
“Don Juan”,
 por se envolver amorosamente com mulheres para aplicar golpes, mais uma mulher procurou a Polícia Civil para dizer que foi vítima dele, em Iporá. Ela contou que fez transferências que somam R$ 170 mil. 

A suspeita é que ele tenha feito dezenas de vítimas e causado um prejuízo de mais de R$ 1 milhão a elas. 

Raimundo Nonato Silvério, de 47 anos, estava foragido da Justiça e foi preso pela Polícia Militar na última segunda-feira (17). 

Segundo as investigações, ele estava na casa de uma mulher que seria uma possível nova vítima do golpe. 
“Ele iniciava o namoro virtual para conquistar confiança e depois aplicar golpes vultuosos, pedindo dinheiro alegando que pagaria depois”, disse o delegado Ramon Queiroz. 

O suspeito ainda não apresentou um advogado para representá-lo. Ele ficou em silêncio durante o depoimento à Polícia Civil.

Foto: Reprodução /Polícia Militar /DivulgaçãoHomem é preso suspeito de dar golpe em mais de 30 mulheres nas redes sociais


Ainda de acordo com o delegado, essa vítima que se apresentou na quarta-feira (19) já tinha registrado o boletim de ocorrência em 2018, quando foi vítima do golpe. 
“Essa mulher fez transferências bancárias no valor de R$ 170 mil para esse estelionatário. Porém, na época, não conseguimos identificar o autor. Agora, com a prisão dele e divulgação da foto, essa vítima nos procurou para dizer que o Raimundo era o homem que a tinha enganado”, completou o delegado. 

A polícia acredita que ele cometia os crimes há cerca de quatro anos e deve ter feito mais de 30 vítimas. 

A expectativa é que, com a divulgação da foto do suspeito, novas mulheres procurem a polícia para denunciar o estelionato.


Fonte: G1 Goiás



Está matéria é em oferecimento:




Folha de Catalão - A notícia de forma direta
Tags
Reações

Postar um comentário

[blogger]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget