https://imgur.com/ZIwdItP.gif

★ ARAGUARI_MG - E a publicidade gasta pelas prefeitura, é problema em todo lugar?

Foto: Reprodução /Web TV Araguari

#GAECO - Deflagra a quarta etapa da operação Hope, que investiga desvios de verbas públicas com publicidades...


Confira a entrevista completa no final da matéria.

Operação Hope retorna à Araguari em sua quarta etapa Hoje a cidade de Araguari amanheceu com a visita da Gaeco, deflagrando a quarta etapa da operação Hope que investiga desvios de verbas públicas do poder municipal de nossa cidade.  

A operação contou com o apoio das Promotorias de Justiça de Araguari, Polícia Civil e Polícia Militar (PM).

Segundo investigações da primeira etapa da operação em 2018, os desvios eram feitos a partir da secretaria de Gabinete, através do então atual secretário Marco Antônio Farias em cima das verbas destinadas à publicidade. 

A SAE – Superintendência de Água e Esgoto também foi investigada por desvios de recursos. Essa primeira operação resultou na prisão de três pessoas e afastamento de servidores envolvidos no esquema. 

A Prefeitura realizava um processo licitatório para contratar uma empresa que pudesse gerenciar os gastos com publicidade. Mas parte dos recursos era remetida para as empresas dos agentes públicos que estavam em nome de pessoas que não eram as reais proprietárias, os chamados
“laranjas”. 

Mesmo após o afastamento e prisão do secretário, o MP afirma que o esquema ainda continuou. 

Na ocasião uma colaboradora da secretaria de Gabinete, cargo de confiança, com um salário estimado em R$1.300, assumiu a pasta passando a receber R$12.000, o valor equivalente a um salário de um secretário municipal. 

Ela continuou assinando empenhos em um esquema criminoso de publicidade e os recursos públicos continuaram a ser desviados. Mesmo com a investigação eles insistiram contando com a impunidade. 

Hoje ela atua como procuradora do município, com um salário estimado em R$7.000,00. 

Também de acordo com os representantes do Ministério Público, na última fase em que a Gaeco esteve em Araguari, estiveram com um mandato na residência da ex-secretária de Administração e nora do prefeito, Thereza Griep, que entregou um telefone de uma tia, tentando enganar os policiais. 

Hoje com um novo mandato, os policiais compareceram até a sua casa novamente e recolheram outro celular e um computador que ela se recusou a passar as senhas. 

Uma das pessoas também procurados hoje, foi o ex-secretário Marco Antônio Farias, que se encontra foragido há aproximadamente um ano. 

Vários endereços foram visitados pela Gaeco e em um deles encontraram uma grande quantidade de maconha em posse de seu filho, que foi preso em flagrante por tráfico de drogas. 

Tais buscas e apreensões efetuadas hoje tem relação direta com a análise dos materiais apreendidos nas fases anteriores que não apresentaram provas suficientes para ajudar a polícia e o judiciária a desfazer essa teia criminosa.







Está matéria é em oferecimento:



Folha de Catalão - A notícia de forma direta
Tags
Reações

Postar um comentário

[blogger]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget