https://imgur.com/ZIwdItP.gif

★ Intel anuncia chips Core i9 ao i3 de 10ª geração para desktops


Intel anuncia chips Core i9 ao i3 de 10ª geração para desktops. Processadores Intel de décima geração (Comet Lake-S) também incluem modelos Pentium e Celeron.

No início do mês, a Intel apresentou os chips Core de décima geração para notebooks (Comet Lake-H). Faltava anunciar os processadores voltados a desktops. Não mais: a companhia escolheu este quinta-feira (30) para anunciá-los oficialmente. Estamos falando da série Comet Lake-S, que vem liderada pelo Intel Core i9-10900K, um chip com dez núcleos.

Quando a Intel anunciou os modelos Core de décima geração para laptops, o fez em duas etapas. A primeira apresentou, em agosto de 2019, os chips Comet Lake séries U e Y, voltados principalmente a ultrabooks e laptops conversíveis.  

Meses depois, no início de abril deste ano, a companhia anunciou os chips Comet Lake-H para notebooks focados em alto desempenho, daí a presença de modelos poderosos, como o octa-core Core i9-10980HK.  


Desta vez, a Intel optou por confirmar dezenas de processadores em uma tacada só. O anúncio de hoje traz chips de décima geração para desktops direcionados a todos os gostos e bolsos: há modelos Core i9, i7, i5, i3, Pentium e Celeron nesta leva.  


Não dá para dizer que as novidades representam uma grande mudança em relação às linhas anteriores, afinal, muitas características foram mantidas, como o processo de fabricação de 14 nanômetros que, no máximo, passou por uma otimização. PCI Express 4.0? Nada disso. O PCIe 3.0 continua reinando absoluto por aqui.


Mas a Intel chama atenção para alguns atributos relevantes, sobretudo nos processadores com mais desempenho. O destaque vai para a tecnologia Intel Turbo Boost Max 3.0, que identifica os núcleos mais rápidos do processador e direciona a eles as tarefas mais críticas.  

Não que esse recurso seja novo. O Turbo Boost Max 3.0 existe há alguns anos em chips Core i9 e i7 Extreme Edition, por exemplo. Mas esse não deixa de ser um bom complemento para a (nem tão) nova geração.  


Vamos aos processadores anunciados, começando pelos mais parrudos. Note que os modelos com a letra 'K' no nome são desbloqueados para overclock; já os chips com a letra 'F' não oferecem GPU integrada:


Como de praxe, essas novidades chegam acompanhadas da promessa de mais desempenho. A Intel afirma, por exemplo, que um PC com Core i9-10900K pode registrar até 33% mais frames por segundo no jogo Mount & Blade II: Bannerlord do que um chip equivalente de geração anterior:

No material de apresentação, a Intel afirma que o Core i9-10900K é o processador mais rápido do mundo em games. Além de trazer 10 núcleos e 20 threads, ele pode alcançar frequência de 5,3 GHz em single core (nas tabelas mostradas aqui, o modo turbo considera todos os núcleos) quando o Thermal Velocity Boost entra em ação — a tecnologia aumenta o clock em até 200 MHz se a temperatura do chip estiver abaixo de 70 graus Celsius.  

Calma que tem mais. A Intel também anunciou modelos que contam com TDP de apenas 35 W. Eles são identificados com a letra 'T' na nomenclatura. 

Assim como os modelos Core de décima geração para notebooks, os novos chips para desktops têm em comum recursos como suporte a memórias Intel Optane, Wi-Fi 6 (Wi-Fi 802.11ax), USB 3.2 Gen 2 (que, na verdade, corresponde ao USB 3.1) e Thunderbolt 3.  

Nos Estados Unidos, as vendas dos novos processadores Core, Pentium e Celeron de décima geração para desktops começam em maio. Ainda não há informações sobre disponibilidade e preços no Brasil.

Fonte: Tecnoblog
Tags
Reações

Postar um comentário

[blogger]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget