https://imgur.com/ZIwdItP.gif

★ Bolsonaro autoriza a cassação da ENEL

Fim da linha para Enel? Bolsonaro autoriza Caiado a estudar cassação da empresa italiana

A paciência do governador de Goiás, Ronaldo Caiado (DEM) com a Enel chegou ao seu limite. O democrata esteve reunido na manhã desta terça-feira  com o ministro da Secretaria de Governo da Presidência, No encontro a pauta foi a privatização da CELG. Empresários e agropecuaristas há muito tempo tem reclamado do péssimo serviço prestado pela italiana Enel, vencedora do certame, realizado ainda na gestão do governo passado. As informações são da coluna Radar, da Veja.

A Enel Goiás tem sido alvo de protestos constantes e tem a pior avaliação de qualidade nos serviços prestados, segundo a Agência Nacional de Energia Elétrica.  

“Goiás não merece essa situação”  

Recentemente, o prefeito de Caldas Novas fez duras criticas a empresa.  A qualidade dos serviços da companhia italiana é alvo desde fevereiro de uma CPI na Alego. Os parlamentares a instituíram para buscar os motivos pelos quais a companhia tem um dos piores serviços no setor.  Ainda em fevereiro, representantes do setor agropecuário e comerciantes realizaram protestos na porta da sede da Enel, em Goiânia.  “Não iremos descansar enquanto isto não se resolver”, disse o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg) Zé Mário Schreiner ao Diário de Goiás, no dia.

“Os produtores e a sociedade da forma em geral chegaram num ponto em que não aguentam mais a qualidade da energia distribuída em Goiás, aliado a isso, uma das maiores tarifas do Brasil”, reforçou.  Por fim, desabafou: “Goiás não merece essa situação”.

Tags
Reações

Postar um comentário

[blogger]

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.
Javascript DisablePlease Enable Javascript To See All Widget